Para melhorar a sua experiência na plataforma e prover serviços personalizados, utilizamos cookies. Ao aceitar, você terá acesso a todas as funcionalidades do site. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

18 de abril de 2024 Rio do Sul
  • REF1_Unimed AV_Banner_Portal_GCD_BannerDesk (3) (1)

Liberação do tráfego na BR-470 é discutida em plenária do Codensul


Por GCD Publicado 29/02/2024 às 17h18
Liberação do tráfego na BR-470 é discutida em plenária do Codensul
Foto: Redação GCD

No início desta semana foi realizada a plenária do Conselho de Desenvolvimento Econômico (Codensul) de Rio do Sul. Na reunião foram apresentados e discutidos assuntos como a liberação do tráfego no km 143, da BR-470, no bairro Pamplona. Trecho que, no dia 14 de fevereiro, cedeu devido às fortes chuvas registradas no Alto Vale.

O vice-presidente da entidade, Marco José Poffo, destaca a insegurança em relação à liberação efetiva da rodovia e dos trabalhos do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) para regularizar o tráfego na região. “Não houve, então, uma informação efetiva e precisa, técnica, diríamos assim, das obras em todo que serão executadas. E, sim uma expectativa da equipe técnica que venha a ser executada lá naquela região, que traz bastante insegurança nos procedimentos que foram até agora realizados. Mas, que em princípio estável agora e com a operação do DNIT com bastante força para que seja restabelecido o tráfego”.

O tráfego na área urbana de Rio do Sul também foi discutido durante a plenária. Marco reforça que, de acordo com a equipe técnica da Prefeitura de Rio do Sul, mudanças estão sendo realizadas nas ruas da cidade, com o intuito de melhorar esse momento de crise nos horários de pico. “Não é possível o impedimento do tráfego. Além disso, não há uma informação efetiva de solução ou de alterações imediatas para o trânsito. Mas, medidas paliativas para que nesse período de 15, 20 dias que se espera do restabelecimento do tráfego da BR-470 nós tenhamos uma melhor mobilidade. Assim, algumas áreas chegam a ter um fluxo projetado de 50 mil veículos por dia. Isso é um fluxo extremamente considerável que precisa de atenção”, finaliza.

Receba as notícias em primeira mão. Entre em nossa comunidade do WhatsApp.

  • AmandaFM_PrimeiroLugar_BANNER_728x90 (1)

2 comentários

  • Rosalvo Schlindwein
    01/03/2024 às 14:22

    Em relação dos problemas da 470 como no Brasil inteiro o que falta e fiscalização de gente competente. Sempre antes de acontecer. Isto o DNIT não sabe fazer. Rua.

  • Tibúrcio
    01/03/2024 às 17:21

    GM não fiscaliza mais o decreto de 40t permitido para passagem no município. Está a Deus dará!

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Baixar o App na Google Play Baixar o App na App Store