Para melhorar a sua experiência na plataforma e prover serviços personalizados, utilizamos cookies. Ao aceitar, você terá acesso a todas as funcionalidades do site. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

26 de fevereiro de 2024 Rio do Sul
  • REF1_Unimed AV_Banner_Portal_GCD_BannerDesk (1)

AVC é a segunda doença que mais mata no Brasil


Por GCD Publicado 25/10/2023 às 08h15 Atualizado 26/10/2023 às 08h21
AVC é a segunda doença que mais mata no Brasil
Foto: DCStudio Freepik.jpg

O Acidente Vascular Cerebral (AVC), também conhecido como derrame, é a segunda doença que mais mata no Brasil. De acordo com dados divulgados em 2020, pela Organização Mundial da Saúde (OMS) mais de 100 mil pessoas vieram a óbito por conta da doença.

O neurologista de Rio do Sul, Anderson Zeschau, explica que os sintomas mais comuns são: dor de cabeça muito forte, fraqueza, dificuldade para se locomover e perda da fala e da visão. Ele reforça ainda, que, a qualquer sinal da doença, o médico deve ser procurado com urgência para iniciar o tratamento. “Porque em muitos casos a gente consegue reverter esse quadro. Então, se o paciente procurar em até quatro horas e meia uma emergência, a gente consegue fazer terapia trombolítica. Não é em todos os pacientes, claro, a gente tem os critérios de inclusão e exclusão desses pacientes, mas em muitos desses casos a gente consegue reverter sim o quadro do neurológico do AVC”, ressalta.

Existem algumas medidas que podem ser tomadas para se evitar um AVC. “Os principais cuidados são a mudança de estilo de vida, ou seja, controle da pressão arterial, colesterol, de diabetes, atividade física, cuidado com obesidade. Além disso, não usar drogas, nem cigarro, bebida. Com certeza vai conseguir diminuir o risco”, relata.

O que é o AVC?

O AVC é uma lesão neurológica aguda, decorrente de um processo que falta sangue no cérebro ou um extravasamento. “Normalmente o evento que falta sangue é o isquêmico, devido à presença de algum trombo que sai do coração, que sai da carótida ou alguma dificuldade de chegar sangue no cérebro. Nesses casos, corresponde a 80% dos casos. Além disso, tem o AVC hemorrágico, aquele decorrente de algum cérebro mais velho que tem alguma doença, ou aquele cérebro que tem alguma informação vascular, causa um sangramento. Nesses casos, ocorrem 20% dos casos”, ressalta.

  • AmandaFM_PrimeiroLugar_BANNER_728x90 (1)

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Baixar o App na Google Play Baixar o App na App Store