Para melhorar a sua experiência na plataforma e prover serviços personalizados, utilizamos cookies. Ao aceitar, você terá acesso a todas as funcionalidades do site. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

21 de fevereiro de 2024 Rio do Sul
  • ref_a_unimed_AV_banners_INSTITUCIONAL (2)

Mais de 150 atletas de Rio do Sul participam da Olesc


Por GCD Publicado 22/09/2023 às 09h06
Rio do Sul terá mais de 150 atletas participando da Olesc,
Foto: Divulgação FMD

Mais de 150 atletas de Rio do Sul participam da Olesc. A FMD Rio do Sul participa a partir de domingo da etapa estadual da 22ª edição da Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc). O evento será realizado em Florianópolis, segue até o dia três de outubro, e reúne atletas de mais de 100 municípios de Santa Catarina.

Este é o segundo evento de rendimento que atletas do município disputam na temporada. Rio do Sul terá equipes competindo no atletismo masculino e feminino, basquete feminino, ciclismo masculino e feminino, futsal feminino, ginástica artística. Além disso, são atletas de judô masculino e feminino, karatê masculino e feminino, natação masculino e feminino, tênis masculino, tênis de mesa masculino e feminino. Por fim, no vôlei masculino e feminino e xadrez masculino e feminino.

As novidades da competição são atletas da natação, que voltam a competir na etapa estadual da Olesc. Eles fazem parte do projeto de natação da Fundação em parceria com o Esporte Clube Concórdia. Assim, também em parceria com o clube, o município terá seis atletas do tênis masculino competindo. 

Portanto, este é um dos principais eventos da temporada para Rio do Sul. Em 2022, o município terminou com a sétima melhor campanha no geral, à frente de tradicionais cidades, como Chapecó, Brusque, Joaçaba, Tubarão e São José.

Entre as modalidades que têm boas chances de conquistar troféus estão o tênis de mesa feminino, que terá Mahayla Sardá competindo, além do ciclismo masculino e feminino, que venceram a competição em 2022. Além disso, o atletismo, terá Vinicius de Brito e o karatê também têm fortes equipes. Nas coletivas, o vôlei e futsal feminino podem surpreender.

Um dos principais desafios da Fundação será com a logística das equipes, além da distância entre os locais de competição. 

  • AmandaFM_PrimeiroLugar_BANNER_728x90 (1)

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Baixar o App na Google Play Baixar o App na App Store