Produtores da região são orientados para evitar a entrada da peste suína africana

Imagem: divulgação Governo de SC.

Ações preventivas buscam evitar a entrada da peste suína africana em Santa Catarina. O estado é o maior produtor e exportador de carne suína do Brasil. O médico veterinário da Cidasc, Cícero Patzlaff, conta que a doença viral não oferece risco à saúde humana, mas pode dizimar criações de suínos, pois é altamente transmissível e leva a altas taxas de mortalidade e morbidade.

 

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.