Homem que matou ex-companheira a facadas, na frente da filha de cinco anos, em Presidente Getúlio, é preso

Foto: Polícia Civil.

Foi preso, no fim da tarde de ontem, o homem acusado de matar Edna Palhano, de 34 anos. O crime ocorreu no domingo, na localidade Pinheiro Alto, em Presidente Getúlio. O feminicídio foi cometido na frente da filha dela, de 5 anos de idade, enquanto a criança dormia com a mãe. Ela foi atingida por vários golpes de faca. O outro filho do casal, de 14 anos, pediu socorro através do grupo de Whatsapp da escola, enviando uma foto da mãe ensanguentada.

Os policiais, desde o fim de semana, buscaram elementos que auxiliassem na identificação da autoria do crime bem como o possível paradeiro do autor. Diante dos elementos colhidos foi representado pela prisão temporária do investigado e por busca e apreensão domiciliar. Com as ordens judiciais, as Polícias Civil e Militar se deslocaram até um sítio no limite entre os municípios de Santa Terezinha e Papanduva. No local, além da prisão do investigado, foram encontradas a faca e as roupas sujas de sangue. A motivação do crime seria o término do relacionamento do casal, que estava junto há 15 anos.

A vítima, recentemente, tinha medida protetiva de urgência, devido às ameaças que vinha sofrendo. No interrogatório o suspeito confessou a autoria do crime, repassando os detalhes. A investigação criminal está a cargo da Delegacia de Presidente Getúlio que tem 30 dias para finalizar o procedimento policial. O homem foi encaminhado ao Presídio Regional de Rio do Sul.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.