Com utilização do sistema de classificação de risco, Hospital Regional reforça que  casos graves são priorizados no atendimento de emergência

O Hospital Regional Alto Vale reforça que o sistema de classificação de risco é utilizado para dar atendimento em menor tempo aos casos de maior gravidade. No protocolo, os pacientes são identificados pelas cores vermelho, casos graves para acompanhamento imediato; laranja, com tempo máximo de espera de até 10 minutos; amarelo, com tempo de espera de até uma hora; e verde e azul, casos com baixa complexidade que poderiam ser dirigidos às unidades básicas de saúde. O coordenador de enfermagem, Tiago Leitzke, conta que o Pronto Socorro da unidade conta com dois médicos plantonistas por 24 horas por dia. E, que os casos graves são priorizados na emergência.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.