Apesar da expectativa de representantes da Cultura, prefeito José Thomé não vetará projeto que transfere dinheiro da Cultura à Defesa Civil

Imagem: Transmissão Câmara de Vereadores de Rio do Sul.

Após aprovação do projeto pelos parlamentares de Rio do Sul, que permite ao Executivo repassar quase metade do prêmio Prêmio Nodgi Pellizzetti de Incentivo à Cultura para a Defesa Civil, representantes da classe cultural seguem buscando alternativas para reverter a situação. Mas, enquanto o diretor de Cultura espera que o projeto seja vetado, o prefeito garante que o assunto é dado como encerrado.

O prefeito tem 15 dias, a partir da aprovação, para vetar o projeto. Se não fizer neste período, a Câmara comunica que o projeto está promulgado e pede ao prefeito que o ato administrativo seja realizado em 48 horas. Depois disso, ele passa a valer a partir de 2022.

 

 

 

 

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.