Superlotação do presídio de Rio do Sul preocupa autoridades

A Operação Legalidade, encabeçada por policiais penais em função da superlotação dos presídios em Santa Catarina, trouxe luz a um problema antigo da unidade de Rio do Sul. Além de poucos agentes, o presídio tem 225 leitos distribuídos em uma estrutura que abriga 360 apenados. O juiz criminal, Cláudio Márcio Areco Júnior, ressalta que são apenas 40 agentes intercalando diariamente.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.