Pela segunda semana consecutiva, apenas uma região do estado está em nível grave

Imagem: Governo do Estado/Divulgação

Pela segunda semana consecutiva, a Matriz de Risco Potencial divulgada neste sábado, 08, aponta que apenas a região da Grande Florianópolis se manteve no patamar grave (cor laranja) para a transmissão da Covid-19. Todas as outras 15 regiões foram classificadas em nível gravíssimo (cor vermelha). Não houve alterações de classificação em relação à matriz divulgada no último final de semana.

O Alto Vale do Itajaí ficou com nota máxima em evento sentinela e capacidade de atenção. Já os indicadores de transmissibilidade e monitoramento apresentaram melhora.

A região da Grande Florianópolis não foi classificada em nível gravíssimo em nenhum dos quatro índices avaliados pela matriz: evento sentinela (elevação do número de óbitos); transmissibilidade (variação do número de casos); monitoramento (número de exames RT-PCR para Covid-19 processados pelo Lacen) e capacidade de atenção (ocupação dos leitos de UTI). Por outro lado, o Alto Uruguai Catarinense, recebeu nota máxima em todos os índices analisados pela matriz. O novo mapa será divulgado no dia 15 de maio.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.