Tribunal de Contas pede garantias jurídicas da Fecam na compra das vacinas Sputnik V

Imagem: web.

O Tribunal de Contas de Santa Catarina, por meio de uma medida cautelar condicionou a compra de vacinas Sputnik V por parte das prefeituras do Estado representadas pela Federação Catarinense de Municípios (Fecam) a garantias jurídicas relacionadas à comercialização.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.