Doutor em Direito Eleitoral diz que decisão sobre Lava Jato pode ter respaldo com processos em SC

Imagem: web.

Nesta semana, uma decisão monocrática do Ministro Edison Fachin anulou, as condenações do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) definidas pela Justiça Federal no Paraná relacionadas às investigações da Operação Lava Jato. A alegação é sobre a competência da vara de Curitiba para julgar os processos da Operação. De acordo com o advogado e Doutor em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina, Marcelo Ramos Peregrino Ferreira, esta decisão pode respaldar em outras ações em Santa Catarina, inclusive relacionadas a Lava Jato. Vale lembrar que na lista do Ministro Fachin, divulgada em 2017, estavam os nomes do ex-senador Dalírio Bebber (PSDB), do ex-deputado federal Décio Lima (PT), da ex-deputada estadual Ana Paula Lima (PT) e o do ex-prefeito de Blumenau, Napoleão Bernardes (PSDB).

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.