Em 24 horas, três mortes por Covid-19 foram registradas por municípios da região

Imagem: GCD

Morreu ontem, no Hospital Bom Jesus, em Ituporanga, vítima de Covid-19, um idoso de 72 anos. O homem, que tinha comorbidades, residia em Petrolândia. É a quinta morte provocada pela doença registrada pelo município. Além disso, mais dois óbitos foram informados nesta manhã pela Secretaria de Saúde de Rio do Sul. A primeira vítima é um homem de 47 anos,morador da capital do Alto Vale, que morreu no dia 9 de março e estava internado desde o dia 27 de fevereiro no regional. O segundo, morador da mesma cidade e internado na mesma instituição desde 2 de março, é um idoso de 93 anos. Ambos tinham comorbidades.

Desde o início da pandemia, no Alto Vale do Itajaí, 213 pessoas não resistiram ao agravamento das condições de saúde. Também na terça-feira, o Hospital Regional de Rio do Sul bateu o recorde de 36 pacientes internados contaminados pelo coronavírus. Enquanto na UTI Covid havia 10 pessoas, outros 4 ocupavam leitos na estrutura geral. Havia ainda 4 pacientes intubados no pronto socorro, sendo que três tinham menos de 45 anos de idade. No Hospital Bom Jesus, em Ituporanga, a situação também é crítica. Com todos os leitos ocupados, quatro pessoas aguardam por vagas especializadas.

Santa Catarina teve 109 novas mortes de pacientes com Covid-19 registradas no boletim desta terça-feira. É o maior número de óbitos em 24 horas desde março do ano passado. No total, 8.170 pessoas já morreram por complicações da doença. Há 395 pacientes que aguardam transferência para leitos de UTI. 76 deles, que estavam na lista para serem transferidos para um leito de UTI ou enfermaria, morreram de fevereiro até esta terça-feira. Mais de 712 mil foram diagnosticados com coronavírus no estado, que segue como o quinto do Brasil com mais casos confirmados, atrás de São Paulo, Minas Gerais, Paraná e Bahia.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.