Com a desocupação dos leitos de UTI covid, Hospital Regional pode retomar cirurgias eletivas

Imagem: GCD.

A preocupação do Governo do Estado com ocupações de leitos de UTI para tratamento de Covid-19, que chegam a 90% em alguns hospitais, não inclui o Alto Vale do Itajaí. Com a desocupação gradual das unidades, a direção inclusive já cogita o retorno das cirurgias eletivas.

Santa Catarina registrou nesta terça-feira, 26, a menor taxa de ocupação geral dos leitos de terapia intensiva (UTI) do Sistema Único de Saúde (SUS) dos últimos 71 dias. Com 75,6% de lotação média em todas as regiões, é o menor índice desde 16 de novembro, período anterior à escalada de casos e mortes no Estado, que provocou o pico de ocupação hospitalar da pandemia, em 12 de dezembro (89,8%). A média geral de ocupação abrange 1.523 leitos adultos, pediátricos e neonatais de hospitais públicos e filantrópicos que atendem pelo SUS.

Apesar da queda gradativamente da lotação nos leitos de terapia intensiva registrada há mais de um mês, ainda há regiões que preocupam. A região Norte do Estado tem ainda 90,2% de ocupação dos leitos de UTI em hospitais que atendem pelo SUS.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.