Homem confessa que matou idoso em Imbuia, mas não é preso em função do período eleitoral

Um idoso de 60 anos foi encontrado sem vida na residência dele com sinais de violência na cabeça. O principal suspeito é um homem que se entregou à polícia no final da tarde de sexta-feira (13) na delegacia de Garuva confessando o homicídio. O crime ocorreu na madrugada de quinta para sexta-feira, no bairro Nova Alemanha, localizado em Imbuia.

Mesmo confessando o delito, ele foi ouvido e liberado. É que de acordo com a a delegada responsável pelo caso, Elisabete da Cruz Pardo Figueiredo, o cumprimento da prisão preventiva não pode ser feito em função do período eleitoral. A proibição de prisão cinco dias antes da eleição é determinada pelo Código Eleitoral (Lei 4737/1965), que permite a detenção nos casos de flagrante delito, sentença criminal condenatória por crime inafiançável ou por desrespeito a salvo-conduto.

Confira os detalhes das informações já apuradas, que vão pautar o inquérito policial

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.