Após portaria que permite o retorno, hospitais da região iniciam agendamento de procedimentos eletivos

Por causa da ocupação das enfermarias, Hospital Regional iniciou o  agendamento de procedimentos eletivos que não necessitem de internações.  O diretor-técnico, Marcelo Gambetta, explica ainda que, com toda a demanda represada, a unidade avalia estratégias para retomar as cirurgias de alta e média complexidade.

O Hospital Bom Jesus, de Ituporanga, também vai se organizar para, aos poucos, retomar as cirurgias eletivas. Segundo o administrador da instituição hospitalar, Fabiano Amorim, a ala cirúrgica da unidade havia sido transformada em área exclusiva para atendimento de contaminados por coronavírus e, durante todo esse período de suspensão, até cirurgias particulares e de convênio foram canceladas por falta de medicamentos e materiais.

A direção do Hospital Doutor Waldomiro Colautti, de Ibirama, informou, por meio de nota, que está aguardando a comunicação circular da Secretaria de Saúde do Estado, que tratará especificamente sobre as portarias. Mas adiantou que, para garantir as medidas de segurança e conseguir organizar os agendamentos e  contato com os pacientes, as cirurgias eletivas devem retornar em 50% a partir do dia 14 de setembro. As consultas ambulatoriais das especialidades e exames, a retomada será  mais gradativa, com prioridade às cirurgias que foram suspensas. A intenção é retomar em 30% este grupo, já que não há estrutura física que permita um número maior de atendimentos.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.