Sem medicação, hospitais da região voltam a cancelar cirurgias eletiva

Com a falta de alguns medicamentos, uma portaria do estado suspendeu, por 30 dias, a realização de cirurgias eletivas. O diretor técnico do Hospital Regional, Marcelo Gambetta, destaca que os procedimentos emergenciais estão mantidos.

O Hospital Bom Jesus de Ituporanga, por 30 dias, também não fará procedimento eletivos de média e alta complexidade. O diretor clínico do HBJ, Dennys Inácio Brandão, no entanto, diz que atendimentos sem necessidade de anestesia serão mantidos.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.