PL 3267/19, do Poder Executivo, pode tornar  Código de Trânsito Brasileiro menos rigoroso

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, encerrou a sessão de votações do Plenário desta quarta-feira, depois de mais de 11 horas de discussões. Quatro propostas que seriam votadas ontem, devem ser analisadas na próxima semana. Uma delas é o PL 3267/19, do Poder Executivo, que faz diversas alterações no Código de Trânsito Brasileiro que podem torná-lo menos rigoroso. O Conselho Regional de Psicologia de Santa Catarina, por meio da Comissão Especial de Psicologia do Trânsito e Mobilidade Humana, tem se mobilizado contra o PL. A entidade acredita que essas mudanças terão como consequência uma redução do controle e da fiscalização do trânsito e aumento da precariedade dos serviços de avaliação e controle preventivo dos eventos no trânsito. Quem explica é a conselheira do CRP-SC Simone Ciott.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.