Início de obras de estação elevatória, dentro do Colégio Henrique Fontes, incomoda alunos e professores

O início das obras de uma estação elevatória para bombeamento do esgoto dentro do Colégio Henrique Fontes, incomoda alunos e professores. É que parte da área foi doada para a realização do serviço, mas, não teria ocorrido a discussão com a comunidade escolar. A representante, Arlete de  Souza, diz que além da preocupação com higiene e limpeza, a unidade vai ter o espaço físico afetado.

O engenheiro sanitarista, Luiz Alexandre da Rocha, conta que a Casan tem uma cessão de uso do espaço. Ele diz que a escolha do local foi motivada por critérios técnicos. A ordem é dar sequência aos trabalhos.

De acordo com o supervisor da Gerência Regional de Educação, Ernani José Schneider, com a legalidade da documentação, não existe a possibilidade de reverter os trabalhos no local.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.