Em véspera de ano eleitoral, vice-prefeito de Rio do Sul abre mão do salário.

O vice-prefeito de Rio do Sul Paulo Cunha reuniu a imprensa na manhã de hoje, no gabinete da prefeitura, para anunciar que vai abrir mão do próprio salário. Ao lado do prefeito José Thomé, ele argumentou que, por ter a função legal de “assumir a função do titular em caso de vacância” não é “justo” o recebimento dos valores. O repórter Almir Marques participou da coletiva.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.